05 janeiro 2008

Peido de Canguru / Flatulent Kangaroos Could Save Planet

Milton Coelho da Graça, já falei dele outro dia me veio ontem com uma novidade simplesmente bombástica, ao anunciar a fantástica descoberta de cientistas australianos que descobriram que o peido do canguru, não emite metano.

A notícia foi publicada em dezembro no Fox News e Milton pegou um belo gancho.

Em seu parágrafo magno a constatação alarmante:

"- Junto com os 6 bilhões de seres humanos, habitam nosso planeta mais de um bilhão de bovinos e outro bilhão de carneiros e ovelhas. Esses dois bilhões de animais comem e peidam sem parar jogando na atmosfera talvez mais da metade de todas as emissões de metano, um dos gases que mais contribuem para o efeito-estufa e o aquecimento global.

Pesquisadores australianos isolaram a bactéria que, no aparelho digestivo do canguru, impede a produção do gás ameaçador e prometem que, brevemente, bois e carneiros estarão recebendo em sua dieta a bactéria redentora."


Busquei por informações em português pela internet e não consegui localizar quase nada a respeito.

Não estava nem um pouco afim de desistir e na minha busca encontrei um outro blog com a mesma cara do meu lá em Portugal. Como é que uma busca no Google por "Peido+Cangurú" pode ter me levado a este blog? Mas gostei, o cara é bem-humorado e o blog é legal.

Tem muita coisa sobre peido na internet, mas nada sobre peidos de cangurú em português.

Encontrei também uma página muito didática sobre peidos.

O negócio é acompanhar a evolução das pesquisas. O assunto é sério.

Nenhum comentário:

Frequências

jornal web Farol Comunitário

Pode acreditar

Tudo vale a pena se a alma não é pequena - Fernando Pessoa