08 junho 2009

MS aposta em "corrente" de doadores de sangue

Campanha vai estimular convites de habituais doadores a outras pessoas e também usa redes sociais da internet, como Orkut e MSN, para atrair público jovem

           

O Ministério da Saúde lança nesta segunda, dia 8 de junho, a Campanha Nacional de Doação de Sangue. Com o slogan Entre para a Corrente Sanguínea. Doe e convide alguém a doar, a idéia é transformar o ato de doar em um hábito de vida saudável. Para aumentar o número de doadores e torná-los freqüentes, o MS aposta no convite de doadores a outras pessoas. "Queremos contar com o envolvimento de todos que já doam sangue e pedir para que eles convidem mais alguém para doar. Com isso criaremos uma corrente, onde cada doador chama mais um doador", explica Guilherme Genovez, responsável pela Coordenação da Política Nacional de Sangue e Hemoderivados do Ministério da Saúde.  

Pela primeira vez, a campanha vai buscar os diversos públicos da Internet. Comunidades virtuais como blogs, Orkut, Twitter, MSN e Google serão utilizados como ferramentas de comunicação para sensibilizar os possíveis doadores. Também serão veiculados filmes na TV aberta e nos cinemas, além dos spots em 27 rádios das capitais e em praças do interior do país.

Cerca de 1,8% da população brasileira já doou sangue nos últimos cinco anos. Os homens são responsáveis por mais de 70% das doações e os jovens entre 18 e 29 anos correspondem a 50% dos doadores. O jovem é um ator fundamental nessa corrente. Eles ão os que mais têm hábito de vida saudável e os que conseguem mobilizar os amigos e os conhecidos, diz Genovez.

Em 2008, foram registrados 3,1 milhões de doações de sangue. Apesar de representar um percentual médio de doações nos últimos cinco anos, o Brasil opera em constante estado de emergência no que diz respeito aos estoques de sangue.  Todos os dias milhares de procedimentos hospitalares são realizados e, em muitos deles, o sangue está presente. Por isso, é necessário que sempre haja estoque nos hemocentros que recebem o sangue de doadores voluntários.

O Brasil é um país de referência em segurança transfusional. Após a doação, o sangue é submetido a nove tipos de exames, capazes de identificar doenças como a aids, sífilis, doença de Chagas e hepatites. O doador também passa por um exame clínico que inclui uma entrevista. Nela, é verificado se o paciente não apresentou algum comportamento de risco, como ser usuário de drogas ou ter praticado sexo sem proteção. Se isso aconteceu, ele é automaticamente descartado como doador. Todos os hemocentros prestam orientações sobre os cuidados antes que o sangue seja doado.  

DOAÇÃO – Para ser um doador de sangue, o indivíduo tem que ser saudável, ter entre 18 e 60 anos, pesar mais de 50 quilos e não ter sido contaminado por doença transmissível. A recomendação do Ministério da Saúde é que as pessoas doem sangue, no máximo, três vezes ao ano. Os homens podem doar a cada três meses e as mulheres, a cada quatro meses, devido aos intervalos do ciclo menstrual.

Cada doador contribui com 450 mililitros de sangue, que é colocado numa bolsa plástica lacrada para evitar a contaminação e armazenado em geladeiras especiais, onde a temperatura é regulada. Se o resultado dos exames for negativo para todas as doenças, o sangue pode ser usado pelos próximos trinta dias, quando vence a validade. Mas, a utilização é tão requisitada que dificilmente fica guardado por mais de uma semana.

A transfusão é necessária em cirurgias de grande porte, como as pontes de safena, também para hemofílicos, para pessoas que sofrem de câncer e se submetem à quimioterapia e para pacientes de hemodiálise. No total, são cinco milhões de transfusões por ano. O sangue também é usado para a produção de remédios hemoderivados, como os fatores de coagulação.

A doação é um ato cívico, um comprometimento social. O sangue é um bem que não pode ser produzido artificialmente e somos obrigados a coletar de um indivíduo para utilizar em outro. É importante que a população crie uma cultura de doação. para mantermos os estoques de sangue seguros durante todo o ano, diz Genovez.

 

Agência Saúde


 



--
http://www.farolcomunitario.com.br
rede web de informação e cultura

23 maio 2009

Cloud News

Ou a sanha ávida por leitores na busca de índices de audiência.

Tirando a morte de Zé Rodrix, um cara que sempre foi do ról das minhas preferências e cujo desaparecimento repercutiu na mídia exatamente como ele era, sem alarde e com muito respeito, porque era uma cara bacana. Suas músicas sempre foram criadas com o espírito dos jingles, por isso é que eram tão bonitas. Casa no campo, tanto podia embalar finais de noite no acampamento com amigos, quanto vender margarina. Poesia pura;

A queda do avião em Trancoso que levou 14 pessoas em circunstâncias ainda por determinar. O avião estava ao que tudo indica revisado e pilotado por um cara experiente;

A sacanagem do acidente presumivelmente provocado pelo deputado que levou embora os jovens curitibanos Gilmar Rafael Yared e Carlos Murilo de Almeida, que vai passar por enfadonho processo de apuração para que Oxalá conclua-se aquilo que grita aos nossos olhos e de que o Brasil inteiro já está "porr aqui";

A exposição inadequada sob meu ponto de vista da garota Maisa num certo programa de televisão, que anda longe do politicamente correto;

A boa e velha General Motors sendo assediada pela Fiat. Pelo amor de Deus credores, sejamos razoáveis, imaginem o Vectra ou o Cadillac do Obama com o logotipo da Fiat na grade do radiador. Nada contra a Fiat, mas penso mais adequado criar uma nova empresa administrando marcas. Vide Perdigão e Sadia, Itaú e Unibanco;

Lula, será que com todo o robusto caixa não dá para sermos acionistas majoritários da GM? Pagamos com o pré-sal e ainda vai sobrar muito para a educação, saneamento, saúde?

Por que senão eles saneiam a empresa, ela passa a fabricar carros elétricos e aí ninguém mais vai querer o nosso petróleo.

Enquanto isso, pasmem, Fãs enfrentam filas quilométricas para assistir aos Jonas Brothers

De onde saiu isso? Eu só escutei falar desses caras ontem e estou me perguntando novamente: De onde saiu isso? Filas quilométricas ???? Milhares de fãs ????? - Eeeeeeecaaaaaa

Gripe Suína, falências, desastres. Será que não cabe mais nada na imprensa de hoje em dia?

Será mesmo que o Povo, precisa ler esse amontoado, digo ser metralhado com esse Nebuloso Cenário?

Isso é que é computação em nuvens. Jogam uma quantidade imensa de fumaça nos nossos olhos, para que não vejamos o que está acontecendo de verdade. A metáfora do mágico, que balança e ilumina uma das mãos enquanto o truque acontece na outra.

Hare Baba, e a Ivone, vai mandar a mão na grana do "finado" Cadore e não aparece ninguém para deter a meliante e seu comparsa. Até na novela, polícia só aparece rápido quando é barraco com a mulher do guarda e a massagista, exatamente por causa do guarda.

Quatro pessoas morrem pisoteadas em rodeio de Jaguariúna numa demonstração clara que esse tipo de evento precisa de um tanque de guerra estacionado e um corredor polones de PE's para conter a fúria ensandecida dessa juventude brilhante do nosso país que adora sexo, drogas e Serta'n'Ojo que é uma grande máfia que adora embebedar a moçada e oferecer aroma de bosta de vaca, misturado com caubóis repetitivos e chifronóticos.

Chávez quer recursos do BNDES provavelmente para nacionalizar tudo na Venezuela e ficar devendo só para o Brasil

Sugiro ao William Bonner e a Fátima Bernardes que troquem o Boa Noite, pelo Salve-se quem puder.

03 maio 2009

Anacrônico

Está na Revista Época

A jornalista Helen Benedict descreve no livro The Lonely Soldier: The Private War of Women Serving in Iraq (algo como: Soldado Solitário - A Guerra Íntima das Mulheres Servindo no Iraque) a experiência das militares americanas que são violentadas pelos próprios companheiros no front. Cerca de 30% são estupradas durante o serviço militar.

Toda a violência, não importa de onde venha é condenável. Dentro de um contexto que entende a guerra como parte da Vida Humana, é natural que isso aconteça.


Ou a autora esqueceu é que há muitos homens "estuprados" nas Forças Armadas em qualquer lugar do mundo?

O ambiente de uma guerra em nada lembra um passeio no shopping. Está nessas mulheres também, a mesma crença de que se defende a liberdade com o uso da força. Estupro e outras violências, são consequência natural desse modo de pensar.

Anacronismos dos seres humanos. Partem da premissa da força bruta dos canhões para defender seus pontos de vista e depois se lamentam das dores pessoais sofridas no Meio onde esse espetáculo de estupidez acontece.

Diga-me com quem andas e eu te direi quem és.

Sensacionalismo barato em busca dos tais 15 minutos de fama. Façam então como muitas mulheres e homens, procurem uma profissão que lhes traga paz de espírito ao invés de se colocar a serviço de uma indústria de morte.

18 abril 2009

Coquetel de Lançamento - Revista DasArtes comemora seu terceiro número no MASP



CONVITE
DO RIO DE JANEIRO PARA SÃO PAULO
ESPECIALMENTE PARA COMEMORAÇÃO DO LANÇAMENTO DO MAIS NOVO PROJETO EDITORIAL
Liege Machado Gonzalez, Idealizadora do projeto editorial Revista DasArtes,
convida para festa de lançamento do terceiro número da Revista DasArtes, com palestra do convidado brasileiro internacional
o artista Vick Muniz no MASP.
COQUETEL
SEXTA-FEIRA 24 DE ABRIL - 19H00
rSPV- 3168 0055
COM RAI
oU

Revista DasArtes comemora lançamento de seu terceiro número no MASP Com Exposição e Palestra de Vik Muniz

Abertura e Palestra deVik Muniz :

24 de abril - 19:00h (só para convidados)

Visitação: de 24 de abril a 12 de julho

O universo das artes visuais no Brasil finalmente ganhou um rosto, a voz e a identidade que faziam muita falta, graças a recente criação e a publicação de uma revista essencialmente dedicada ao assunto, a DaSArtes. A publicação está em seu terceiro número e com pronta distribuição nos principais mercados nacionais, em meados de abril.

Marcando o lançamento da terceira edição da revista DasArtes, que traz como assunto de capa uma exclusiva reportagem com o fenômeno Vik Muniz, artista plástico e fotógrafo paulistano que alcançou projeção ímpar no cenário artístico e no pop mundial, a DasArtes promoverá na ocasião da exposião, com o apoio do MASP, um evento comemorativo ao lançamento de seu terceiro número.

Na data de 24 de abril, somente para convidados, a DasArtes promoverá uma palestra e mesa redonda, tendo Vik Muniz conduzindo o tema: "Arte, para Quem?", seguida de um coquetel comemorativo pela terceira edição da revista.

A revista, que, na opinião dos mais respeitados críticos, curadores ou personalidades do meio, se ocupa da Arte com muita propriedade, profundidade e, como era de se esperar, com elegância, charme e boa dose de 'arte', consegue se notabilizar não só pela atualidade dos temas e seriedade na abordagem, mas também por uma proposta editorial que busca evitar os hermetismos e pedantismos que costumam acompanhar as publicações do gênero.

Como ressalta a empresária editorial, Liege Machado Gonzalez, a idealizadora e editora executiva da DasArtes: "Queria uma revista mais leve, que pudesse mostrar a todos que arte também é divertida! Através da revista, gostaria de criar um canal de comunicação que buscasse desassociar a arte do elitismo, daquela imagem inacessível, que arte é tema que interessa apenas ao intelectual e a iniciados".

Uma revista vocacionada a fazer história, com arte

O projeto consumiu bom tempo de amadurecimento, pesquisas e busca de capital, até se concretizar, no semestre passado, no número inaugural de uma revista que atenderia a um amplo público, até então 'órfão' deste tipo de incursão editorial.

Liege Machado sempre foi uma apaixonada pelo universo das belas artes e colecionadora, freqüentando assiduamente museus, galerias e leilões, no Brasil e no exterior. E era dona da Selo Editora, até então especializada em livros e revistas na área da saúde. Para a nova DasArtes, faltava achar o editor, alguém que conhecesse com profundidade sobre o assunto e se afinasse com o projeto, conta Liege Machado. A sugestão veio através de Agnaldo Farias, crítico e curador do Instituto Tomie Ohtake, indicando Adolfo Montejo Navas. "O casamento deu super certo: Adolfo é mais voltado para arte contemporânea e procura conduzir a revista para o lado mais critico, para os profissionais e estudantes da arte. Eu tenho mais afinidade com arte moderna e acabo puxando a revista para o lado mais pop, para os colecionadores e interessados", avalia sua diretora.

A 'ousadia' empresarial, que concretizou a produção, impressão e lançamento nacional de uma revista de arte no seu mais amplo conceito (114 páginas em papel couchet e um cast de colaboradores de renome), mesmo sem apoio de patrocinadores, ou inclusão na Lei Rouanet, tem se revelado gratificante e muito promissora, analisa Liege Machado.

Galerias e Museus de Arte em fina sintonia com a DASARTES

A direção e curadoria dos principais museus de arte do País vem confirmar as otimistas e confiantes perspectivas para uma revista do gênero. Desde a virada do ano e ao longo do verão, a revista veio comemorando sua "primavera", tendo sido bem recebida e apoiada por entidades como o MAM do Rio de Janeiro, passando por um lançamento na última Bienal de São Paulo, e, em seguida, teve festa oferecida pelo MAMAM, de Recife, e outra, pelo Museu Nacional de Brasília e ainda um lançamento para Ribeirão Preto, no interior paulista, pela Galeria Marcelo Guarnieri. Neste momento, a DasArtes se prepara para entrar pelo átrio de mais um museu, desta vez, o MASP.

"Decididamente, a revista, já em seu terceiro número, consegue demonstrar que veio para confirmar o sucesso da iniciativa privada – e mesmo em tempos da propalada crise", comenta sua diretora, apontando para o consistente número de anunciantes de gabarito em suas páginas e o afã de colaboradores famosos, querendo escrever na DasArtes e figurar entre os créditos da revista.

Serviço

Retrospectiva VIK MUNIZ

MASP

para convidados:

Palestra e lançamento da revista DasArtes:

24 de abril / 19h.

Endereço: Av. Paulista, 1.578 – Cerqueira César – São Paulo. Tel.: (11) 3251 5644

Visitação: de 24 de abril a 12 de julho

Horário da Mostra: de terça-feira a domingo e feriados, das 11h às 18h; quinta até as 20h. A bilheteria fecha uma hora antes.

Ingresso: R$ 15 (inteira) e R$ 7 (estudante), gratuito às terças-feiras e diariamente para menores de 10 anos e maiores de 60 anos.

Crivo Assessoria de Imprensa

24 fevereiro 2009

Galeria vai mudar de endereço

Minha Galeria Virtual está mudando de endereço.

Em breve todo o material atual e as novidades vão estar por aqui:
http://www.artemcacos.com.br

Faça uma visita

Já que resolvi entrar na chuva, que seja!

Vou recomeçar este blog, falando de um outro blog e de uma atividade que estou programando para setembro e quero convidar a todos.

D.N.Atos, uma ação concreta pela sustentabilidade que acredita que só vamos promover mudanças profundas no mundo, se mudarmos efetivamente de atitude e não apenas no discurso.

Essas idéias eu vou colocar em http://dnatos.blogspot.com e em http://www.dnatos.com.br

Dê uma passada por lá que sempre vai ter coisa nova.

Abraço

Promessa pós Carnaval

Este blog era atualizado todos os dias.
De repente as atividades profissionais (que são sites e blogs) não me deixaram tempo para escrever como eu gostava. Afinal esse é o Meu Blog predileto, o mais antigo e atualmente o mais desprezado (por mim). Chega.

Agora depois do Carnaval, que é quando o Brasil dos tontos começa a funcionar (Sim, porque tem um monte de gente faturando em cima dos que esperam o Carnaval passar), resolvi voltar aqui todo dia. Oxalá eu consiga cumprir a promessa.

08 fevereiro 2009

Foi só comigo ou pirou geral (uma revisão)

No dia 31 de janeiro o Google pirou durante uma hora mais ou menos. Eu estava logado e presenciei a maluquice em tempo real. Queria ter postado aqui no Multiply mas ele também ficou meio fora do ar e embora aceitasse a digitação, dava erro e abria aquela famosa tela de Oopps. Pois bem, no meio da maluquice do Google eu consegui postar a máscara de uma das páginas  malucas no ArtemcacoS, http://artemcacos.blogspot.com/2009/01/foi-so-comigo-ou-pirou-geral.html e estou postando de novo este tema aqui no Multiply porque a partir de 1 de fevereiro uns spam/phishing alucinados pararam de chegar. Eram dezenas de e-mails em todas as caixas que tenho, todos os dias, mandados de "mim mesmo" para "mim mesmo", oferecendo primeiro uma tal de Canadian Pharmacy para o qual todas as urls dos spams direcionavam e todas com seus próprios links, mas com a mesma máscara, depois um outro que eu não me dei ao trabalho de ver o que era mas com texto idêntico e recorrente. Coisa de louco. De lá (1) prá cá só os mesmos chatos de sempre ( as loterias, os replica watches e quetais). Os emuladores de contas desapareceram. Não sei qual é a correlação, mas a tempestade de spam acabou no dia seguinte ao "pau" que deu no Google. Acho que estávamos todos (muitos) zumbizados sem saber e penso que o zumbizado maior era o próprio Google, porque na hora em que ele chacoalhou as pulgas, os problemas acabaram. Pelo menos por enquanto. Outro que durante vários dias distribui spam com vírus foi o hotmail. Todos os meus contatos que utilizam o serviço, despacharam porcarias involuntárias pela rede. Acho que temos um problemão rondando por aí.

05 fevereiro 2009

Campinas tá precisando de um carro pipa de água benta

Morador de rua diz que estudantes pegaram Bíblia com dinheiro guardado

Ele acusa alunos de faculdade de direito de agressão em Campinas.
Universidade diz que jovem reconhecido pela vítima não estuda no local.


Mais uma história de pit-boys riquinhos com quem não vai acontecer nada.

http://g1.globo.com/Noticias/SaoPaulo/0,,MUL988350-5605,00-MORADOR+DE+RUA+DIZ+QUE+ESTUDANTES+PEGARAM+BIBLIA+COM+DINHEIRO+GUARDADO.html

Indignação pelas pequenas coisas

Em Campinas, São Paulo, um cachorro está prestes a partir dessa por conta dos pruridos de gente sem ocupação na cabeça.

Ele não seria o único nem o último, porém pode não ser o próximo.

Não se trata de melodrama, parece que o brasileiro, sendo genérico apenas para ilustrar, adora chamar a polícia, a prefeitura, o presidente da república e o que der na telha para resolver o que pensa ser um problema.

Atitude imatura, ignóbil e preguiçosa de gente que espera que o imperador bata o cetro e determine o que deve e o que não deve ser feito.

Vota errado e depois reclama, compra coisa roubada e reclama da criminalidade, compra whisky paraguaio e se queixa da dor de cabeça. De noite senta no sofazinho e assiste novela e jornal pasteurizado e mata cachorro porque o cachorro sensível, viu a cor escura da sua aura e latiu bravo.

Se a gente não se indignar com pequenas coisas, quando elas se avolumarem, vai ser tarde demais para se indignar.

Vida longa ao Bob

http://g1.globo.com/Noticias/SaoPaulo/0,,MUL987911-5605,00-CAO+QUE+MORA+HA+ANOS+EM+PONTO+DE+TAXI+EM+CAMPINAS+PODE+SER+DESPEJADO.html#

31 janeiro 2009

Foi só comigo ou pirou geral?

O Google  impediu a navegação a partir do seu índice por quase 10 minutos, até agora há pouco.

Não importava o termo usado, os resultados apareciam com a mensagem de "este site pode danificar o seu computador"

Igual no print da página com o termo Google

  • Google

    Este site pode danificar seu computador.
    Google. Pesquisa avançada · Preferências ... páginas do Brasil. Soluções de publicidade - Tudo sobre o Google - Google.com in English. ©2009 - Privacidade.
    www.google.com.br/ - Páginas Semelhantes
  • Ferramentas de idiomas

    Este site pode danificar seu computador.
    Para escolher o idioma em que deseja visualizar a página principal, mensagens e botões do Google, visite a página de Preferências. O Google está atualmente ...
    www.google.com.br/language_tools - Páginas Semelhantes
    Mais resultados de www.google.com.br »
  • Google

    Este site pode danificar seu computador.
    Crie o seu Web site com o Google Sites. É grátis e fácil. Soluções de publicidade - Soluções empresariais - Tudo sobre o Google - Google.com in English ...
    www.google.pt/ - Páginas Semelhantes
  • Google

     - [ Traduzir esta página ]
    Este site pode danificar seu computador.
    Enables users to search the Web, Usenet, and images. Features include PageRank, caching and translation of results, and an option to find similar pages.
    www.google.com/ - Páginas Semelhantes
  • Google - Wikipédia, a enciclopédia livre

    Este site pode danificar seu computador.
    Google Inc. (NASDAQ: GOOG) é uma empresa desenvolvedora de serviços online, sediada nos Estados Unidos. Seu primeiro serviço foi o Google Search, ...
    pt.wikipedia.org/wiki/Google - Páginas Semelhantes
  • Google Maps

     - [ Traduzir esta página ]
    Este site pode danificar seu computador.
    Find local businesses, view maps and get driving directions in Google Maps.
    maps.google.com/ - Páginas Semelhantes
  • Google

     - [ Traduzir esta página ]
    Este site pode danificar seu computador.
    The local version of this pre-eminent search engine, offering UK-specific pages as well as world results.
    www.google.co.uk/ - Páginas Semelhantes
  • Google

     - [ Traduzir esta página ]
    Este site pode danificar seu computador.
    Google.ca offered in: Français · Advertising Programs - Business Solutions - About Google - Go to Google.com. ©2009 - Privacy.
    www.google.ca/ - Páginas Semelhantes
  • Google.org

     - [ Traduzir esta página ]
    Este site pode danificar seu computador.
    The philanthropic arm of the company. Lists its activities.
    www.google.org/ - Páginas Semelhantes
  • Google Groups

     - [ Traduzir esta página ]
    Este site pode danificar seu computador.
    Searchable archive of more than 700 million Usenet postings from a period of more than 20 years.
    groups.google.com/ - Páginas Semelhantes

    O Multiply também saiu do ar ao mesmo tempo
  • 22 janeiro 2009

    A ESTRANHA BELEZA DA LÍNGUA PORTUGUESA* ou BRASILEIRO, como queira

    Do jeito que recebi estou postando. Abraço, Pedro


    Este texto é dos melhores registros de língua portuguesa que eu tenho lido
    sobre a nossa digníssima 'língua de Camões', a tal que tem fama de ser pérfida, infiel ou traiçoeira, inda mais se for o Brasileiro!


    Um político que estava em plena campanha chegou a uma pequena cidade, subiu para o palanque e começou o discurso:

    Compatriotas, companheiros, amigos! Encontramo-nos aqui, convocados, reunidos ou juntos para debater, tratar ou discutir um tópico, tema ou assunto, o qual me parece transcendente, importante ou de vida ou morte

    O tópico, tema ou assunto que hoje nos convoca, reúne ou junta é a minha postulação, aspiração ou candidatura a Presidente da Câmara deste Município.

    De repente, uma pessoa do público pergunta:

    - Ouça lá, porque é que o senhor utiliza sempre três palavras, para dizer a mesma coisa?

    O candidato respondeu:

    - Pois veja, meu senhor: a primeira palavra é para pessoas com nível cultural muito alto, como intelectuais em geral; a segunda é para pessoas com um nível cultural médio, como o senhor e a maioria dos que estão aqui; A terceira palavra é para pessoas que têm um nível cultural muito baixo, pelo chão, digamos, como aquele alcoólico, ali deitado na esquina.

    De imediato, o alcoólico levanta-se a cambalear e 'atira':

    Senhor postulante, aspirante ou candidato: (hic) o facto, circunstância ou razão pela qual me encontro num estado etílico,  alcoolizado ou mamado (hic), não implica, significa, ou quer dizer que o meu nível (hic) cultural seja ínfimo, baixo ou mesmo rasca (hic). E com toda a reverência, estima ou respeito que o senhor me merece (hic) pode ir agrupando, reunindo ou juntando(hic) os seus haveres, coisas ou bagulhos (hic) e encaminhar-se, dirigir-se ou ir direitinho (hic) à leviana da sua progenitora, à mundana da sua mãe biológica ou à p...q...p....!

    09 janeiro 2009

    L'Amour toujours l'amour

    Mosquito e 'mosquita' da dengue fazem serenata em dueto, diz estudo

    Macho e fêmea sincronizam freqüência de 'canto' quando se encontram.
    Antes, achava-se que 'mosquita' era surda; achado pode ajudar controle.

    A notícia está aqui

    Frequências

    jornal web Farol Comunitário

    Pode acreditar

    Tudo vale a pena se a alma não é pequena - Fernando Pessoa