18 abril 2009

Coquetel de Lançamento - Revista DasArtes comemora seu terceiro número no MASP



CONVITE
DO RIO DE JANEIRO PARA SÃO PAULO
ESPECIALMENTE PARA COMEMORAÇÃO DO LANÇAMENTO DO MAIS NOVO PROJETO EDITORIAL
Liege Machado Gonzalez, Idealizadora do projeto editorial Revista DasArtes,
convida para festa de lançamento do terceiro número da Revista DasArtes, com palestra do convidado brasileiro internacional
o artista Vick Muniz no MASP.
COQUETEL
SEXTA-FEIRA 24 DE ABRIL - 19H00
rSPV- 3168 0055
COM RAI
oU

Revista DasArtes comemora lançamento de seu terceiro número no MASP Com Exposição e Palestra de Vik Muniz

Abertura e Palestra deVik Muniz :

24 de abril - 19:00h (só para convidados)

Visitação: de 24 de abril a 12 de julho

O universo das artes visuais no Brasil finalmente ganhou um rosto, a voz e a identidade que faziam muita falta, graças a recente criação e a publicação de uma revista essencialmente dedicada ao assunto, a DaSArtes. A publicação está em seu terceiro número e com pronta distribuição nos principais mercados nacionais, em meados de abril.

Marcando o lançamento da terceira edição da revista DasArtes, que traz como assunto de capa uma exclusiva reportagem com o fenômeno Vik Muniz, artista plástico e fotógrafo paulistano que alcançou projeção ímpar no cenário artístico e no pop mundial, a DasArtes promoverá na ocasião da exposião, com o apoio do MASP, um evento comemorativo ao lançamento de seu terceiro número.

Na data de 24 de abril, somente para convidados, a DasArtes promoverá uma palestra e mesa redonda, tendo Vik Muniz conduzindo o tema: "Arte, para Quem?", seguida de um coquetel comemorativo pela terceira edição da revista.

A revista, que, na opinião dos mais respeitados críticos, curadores ou personalidades do meio, se ocupa da Arte com muita propriedade, profundidade e, como era de se esperar, com elegância, charme e boa dose de 'arte', consegue se notabilizar não só pela atualidade dos temas e seriedade na abordagem, mas também por uma proposta editorial que busca evitar os hermetismos e pedantismos que costumam acompanhar as publicações do gênero.

Como ressalta a empresária editorial, Liege Machado Gonzalez, a idealizadora e editora executiva da DasArtes: "Queria uma revista mais leve, que pudesse mostrar a todos que arte também é divertida! Através da revista, gostaria de criar um canal de comunicação que buscasse desassociar a arte do elitismo, daquela imagem inacessível, que arte é tema que interessa apenas ao intelectual e a iniciados".

Uma revista vocacionada a fazer história, com arte

O projeto consumiu bom tempo de amadurecimento, pesquisas e busca de capital, até se concretizar, no semestre passado, no número inaugural de uma revista que atenderia a um amplo público, até então 'órfão' deste tipo de incursão editorial.

Liege Machado sempre foi uma apaixonada pelo universo das belas artes e colecionadora, freqüentando assiduamente museus, galerias e leilões, no Brasil e no exterior. E era dona da Selo Editora, até então especializada em livros e revistas na área da saúde. Para a nova DasArtes, faltava achar o editor, alguém que conhecesse com profundidade sobre o assunto e se afinasse com o projeto, conta Liege Machado. A sugestão veio através de Agnaldo Farias, crítico e curador do Instituto Tomie Ohtake, indicando Adolfo Montejo Navas. "O casamento deu super certo: Adolfo é mais voltado para arte contemporânea e procura conduzir a revista para o lado mais critico, para os profissionais e estudantes da arte. Eu tenho mais afinidade com arte moderna e acabo puxando a revista para o lado mais pop, para os colecionadores e interessados", avalia sua diretora.

A 'ousadia' empresarial, que concretizou a produção, impressão e lançamento nacional de uma revista de arte no seu mais amplo conceito (114 páginas em papel couchet e um cast de colaboradores de renome), mesmo sem apoio de patrocinadores, ou inclusão na Lei Rouanet, tem se revelado gratificante e muito promissora, analisa Liege Machado.

Galerias e Museus de Arte em fina sintonia com a DASARTES

A direção e curadoria dos principais museus de arte do País vem confirmar as otimistas e confiantes perspectivas para uma revista do gênero. Desde a virada do ano e ao longo do verão, a revista veio comemorando sua "primavera", tendo sido bem recebida e apoiada por entidades como o MAM do Rio de Janeiro, passando por um lançamento na última Bienal de São Paulo, e, em seguida, teve festa oferecida pelo MAMAM, de Recife, e outra, pelo Museu Nacional de Brasília e ainda um lançamento para Ribeirão Preto, no interior paulista, pela Galeria Marcelo Guarnieri. Neste momento, a DasArtes se prepara para entrar pelo átrio de mais um museu, desta vez, o MASP.

"Decididamente, a revista, já em seu terceiro número, consegue demonstrar que veio para confirmar o sucesso da iniciativa privada – e mesmo em tempos da propalada crise", comenta sua diretora, apontando para o consistente número de anunciantes de gabarito em suas páginas e o afã de colaboradores famosos, querendo escrever na DasArtes e figurar entre os créditos da revista.

Serviço

Retrospectiva VIK MUNIZ

MASP

para convidados:

Palestra e lançamento da revista DasArtes:

24 de abril / 19h.

Endereço: Av. Paulista, 1.578 – Cerqueira César – São Paulo. Tel.: (11) 3251 5644

Visitação: de 24 de abril a 12 de julho

Horário da Mostra: de terça-feira a domingo e feriados, das 11h às 18h; quinta até as 20h. A bilheteria fecha uma hora antes.

Ingresso: R$ 15 (inteira) e R$ 7 (estudante), gratuito às terças-feiras e diariamente para menores de 10 anos e maiores de 60 anos.

Crivo Assessoria de Imprensa

Frequências

jornal web Farol Comunitário

Pode acreditar

Tudo vale a pena se a alma não é pequena - Fernando Pessoa